Capacete de bombeiro equipado com visão térmica

Capacete de bombeiro equipado com visão térmica

Chamado de C-Thru este conceito de visor e capacete oferece diversas funções integradas que atualmente só estão disponíveis em aparelhos separados, como sensores térmicos portáteis e dispositivos de comunicação. Então em vez de ter que rastejar sob a fumaça enquanto constantemente verifica um sensor térmico de mão e tenta não se perder do resto da equipe por trás dele em uma fumaça espessa, o bombeiro com o capacete C-Thru pode apenas olhar ao seu redor com uma espécie de super-visão.

Basicamente, o capacete transmitiria dados e vídeos do ambiente via wireless para um serviço de análise na nuvem através do dispositivo móvel de computação dos bombeiros. A partir daí, a informação processada seria distribuída para todos os membros da equipe e mostrada nos visores HUD deles. Isso liberaria as mãos dos bombeiros para tarefas mais importantes, como resgatar pessoas com mais segurança. Além disso, os dados em gravados em vídeo poderiam ser usados como referência e para treinamentos futuros – e talvez até como evidências em processos movidos contra o departamento dos bombeiros.

Além disso, o C-Thru pode ter uma função de eliminar ruídos que seria usada para que os bombeiros abafassem o barulho do prédio em chamas enquanto tentam ouvir gritos de socorro, assim como o som de partes de madeira que estão prestes a quebrar. Isso também liberaria os bombeiros para que não precisassem gritar um com o outro através de seus walkie-talkies para serem ouvidos. E como todo o sistema é integrado pelo capacete, é tão fácil de ser usado quanto a geração atual de capacetes de combate a incêndios.

Com todas essas funções disponíveis no equipamento usado na cabeça, o combate ao fogo pode ficar mais seguro do que nunca – isso, claro, se um dia o capacete deixar de ser apenas um conceito.

About The Author

Emergency Live

Emergency Live é a única revista multilingue dedicada a pessoas envolvidas no resgate e emergência. Como tal, é a forma ideal em termos de velocidade e custo para as empresas comerciais para chegar a um grande número de usuários-alvo, por exemplo, todas as empresas envolvidas de alguma forma no apetrechamento de meios especializados de transporte. De fabricantes de veículos para empresas envolvidas em equipar esses veículos, a qualquer fornecedor de salvamento e resgate e equipamentos auxiliares.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


*