População de Barras sofre com ambulâncias quebradas

População de Barras sofre com ambulâncias quebradas

Está sério o problema da falta de ambulância em Barras. No último final de semana, a viatura da Polícia Militar teve que deslocar um acidentado da zona rural para a zona urbana por falta de ambulância, j´que as de Barras estão quebradas. E não é a primeira vez que o carro a polícia precisa transportar pacientes.

Uma barrense, Adelina Barbosa fez desabafo emocionado relatando uma situação em que uma ambulância era necessária para levar um paciente para Teresina, mas não foi por conta das condições físicas do veículo que precisava de um mecânico.

“Fica aqui minha indignação com as autoridades ! isso é a maior falta de respeito com o ser humano! Mais uma vez o protagonista é o nosso Hospital Regional Leônidas Melo. … culpa da administração. … culpa do governo,
que manda um idoso no carro da própria família, para Teresina por que a ambulância está quebrada. Minha revolta é também é com a irresponsabilidade desses jovens que são os maiores causadores de acidentes dentro de Barras. Sr. Luizim  vai ficar bem com Fé em Deus e vai voltar andar na sua bicicleta. Parabéns pro GAV Voluntarios, que atendeu a ocorrência, e parabéns para o Dr.bruno…..que mostrou responsabilidade ao atendimento”, desabafou Adelina Barbosa, quando deixaram de enviar um senhor que sofreu um acidente de bicicleta para Teresina porque a ambulância está quebrada.

O longah.com recebeu outra denúncia de um leitor que não quer se identificar. ”Precisei da ambulância do Samu no sábado e fui informado que não estava funcionando. À noite vi a mesma na cidade. Soube que a mesma está impossibilitada de ir paro interior, sò pode andar na cidade por conta de seu estado mecânico. Se existem problemas, até os profissionais que trabalham na ambulância estão correndo risco”, comenta.

About The Author

Emergency Live

Emergency Live é a única revista multilingue dedicada a pessoas envolvidas no resgate e emergência. Como tal, é a forma ideal em termos de velocidade e custo para as empresas comerciais para chegar a um grande número de usuários-alvo, por exemplo, todas as empresas envolvidas de alguma forma no apetrechamento de meios especializados de transporte. De fabricantes de veículos para empresas envolvidas em equipar esses veículos, a qualquer fornecedor de salvamento e resgate e equipamentos auxiliares.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


*