Como um ALS perfeito pode matar (parte 1)

As Diretrizes da ACLS são enganosas sobre o diagnóstico e o tratamento da atividade elétrica sem pulso (AESP) Isso leva a erros conceituais e clínicos ao tratar pacientes em parada cardíaca. Vamos ver por que e se há uma maneira melhor de seguir ao lidar com esse tipo de paciente. A primeira parte é sobre diagnóstico e ferramentas de diagnóstico.

LEIA A PARTE 2

LEIA MAIS ARTIGO MARIO RUGNA NO MEDEST118