Gestão comunitária de sobredosagem com opióides

Essas diretrizes foram produzidas pela unidade de Gerenciamento de Abuso de Substâncias do Departamento de Saúde Mental e Abuso de Substâncias da OMS em colaboração com o Departamento de HIV da OMS. Vladimir Poznyak e Nicolas Clark coordenaram o desenvolvimento dessas diretrizes sob a direção de Shekhar Saxena e em colaboração com Rachel Baggaley e Annette Verster. Os membros do Grupo Diretor da OMS do projeto incluíram: Annabel Badderley, Rachel Baggaley, Nicolas Clark, Selma Khamassi, Elizabeth Mathai, Maggie Peden, Vladimir Poznyak e Annette Verster (ver Anexo 7 para afiliações). Os membros do Grupo de Desenvolvimento de Diretrizes (GDG) do projeto foram: Robert Balster (Cadeira), Barbara Broers, Jane Buxton, Paul Dietze, Kirsten Horsburgh, Raka Jain, Nadeem Ullah Khan, Walter Kloeck, Emran M Razaghi, Hendry Robert Sawe, John Strang e Oanh Thi Hai Khuat (ver Anexo 7 para afiliações).

Os observadores da reunião do Guideline Development Group em Genebra, em fevereiro de 2014, que forneceram comentários e informações técnicas, foram: Anja Busse (Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime), David Sugerman (Centros de Controle de Doenças, EUA), Regis Bedry (Associação Europeia Marica Ferri (Centro Europeu de Monitoramento de Drogas e Toxicodependência), Mauro Guarinieri (Fundo Global de Combate à Aids, Tuberculose e Malária), Sharon Stancliff (Associação de Redução de Danos, EUA), Marc Augsburger (The Associação Internacional de Toxicologistas Forenses), Ruth Birgin (Rede Internacional de Pessoas que Usam Drogas), Hannu Alho (Sociedade Internacional de Medicina da Dependência), Simon Lenton (Instituto Nacional de Pesquisa de Drogas, Austrália), Steven Gust (Instituto Nacional de Abuso de Drogas, EUA) ), Daniel Wolfe (Open Society Foundations), H. Westley Clark (Abuso de Substâncias e Serviços de Saúde Mental, EUA).

A OMS gostaria de agradecer as contribuições das seguintes pessoas para o desenvolvimento dessas diretrizes: Consultores: Margaret Harris aconselhou sobre a metodologia de diretrizes da OMS, incluindo o uso do GRADE, na reunião de desenvolvimento de diretrizes e ajudou na preparação do documento final de diretrizes. Mary Henderson conduziu uma pesquisa aprofundada sobre os valores e preferências dos informantes-chave. Cadi Irvine, consultora de HIV, ajudou na preparação de material de apoio. Caitlin Kennedy assessorou na metodologia inicial e ajudou no desenvolvimento do protocolo de revisão sistemática. Nandi Siegfried ajudou na seleção do estudo (como revisor) e na preparação dos perfis de evidências do GRADE.

Nick Walsh desenvolveu a documentação de base para a reunião do GDG e o protocolo de revisão sistemática. Ele também conduziu as revisões sistemáticas, apresentou as conclusões ao GDG, escreveu o primeiro rascunho da orientação e ajudou na preparação do documento final das diretrizes. Anna Williams e Rebecca McDonald ajudaram na preparação da documentação de base. Funcionários da OMS: Tomas Allen (biblioteca da OMS) ajudou no desenvolvimento e condução da pesquisa bibliográfica.

Estagiários da OMS: Agata Boldys (unidade de Gerenciamento de Abuso de Substâncias) auxiliou na organização da reunião e na preparação de documentos de base. Sally Cruse (unidade de Gerenciamento de Abuso de Substâncias) ajudou no processo externo e de revisão por pares e na preparação do documento de diretrizes. Pramudie Gunaratne (Departamento de HIV) ajudou na pesquisa de valores e preferências. Financiamento: A OMS agradece o apoio financeiro do Governo da Noruega e do Plano de Emergência do Presidente dos EUA para o Combate à Aids (PEPFAR) para a produção dessas diretrizes.

Comentários estão fechados.