Triagem global: uma avaliação abrangente para uma resposta oportuna

Organização eficaz e critérios de prioridade no resgate médico

O modelo organizacional da triagem global

Global triagem é um avaliação profissional do paciente metodologia baseada em uma abordagem holística. Este modelo organizacional envolve uma série de etapas que visam gerenciamento abrangente de pacientes, começando pela avaliação na porta. Esta fase inicial visa identificar imediatamente situações de emergência e obter uma ideia preliminar sobre o estado do paciente, determinando a forma e o momento das fases subsequentes.

A coleta de dados

A próxima fase envolve coleta de dados, com avaliação subjetiva incluindo questões direcionadas para definir o “sintoma principal” e investigar os componentes subjetivos da condição do paciente. Isto é seguido por um avaliação objetiva, que pode incluir tomando sinais vitais e um exame físico direcionado quando considerado apropriado pelo triagista.

Atribuição do código de cores

Somente após esta avaliação abrangente o paciente recebeu um código de cores indicando prioridade de tratamento. A decisão da triagem baseia-se em protocolos específicos elaborados pelas realidades operacionais, garantindo consistência com a literatura científica e profissional.

Reavaliação do paciente

A triagem global fornece critérios para reavaliação do paciente, que pode ocorrer em intervalos definidos, a pedido do paciente, a pedido do operador ou durante a passagem de plantão. Esta abordagem dinâmica garante um manejo contínuo e adaptável à condição do paciente.

A triagem global surge como um modelo eficaz em salas de emergência, garantindo avaliação abrangente e oportuna dos pacientes. A sua estrutura organizacional e critérios de prioridade proporcionam uma resposta direcionada às necessidades emergentes, ajudando a otimizar recursos e a garantir cuidados de saúde eficientes.

fonte

quotidianosanita.it

você pode gostar também