Intubação endotraqueal bem-sucedida em ambulância em movimento: Universidade Espanhola preparou o caminho

Alicante, 24 de fevereiro de 2015 - Pesquisadores do Departamento de Enfermagem da Universidade de Alicante realizaram um projeto para conseguir uma intubação endotraqueal bem-sucedida em um movimento ambulância. Com a colaboração de ASV Transporte Sanitario Ayuda, um grupo sediado na província de Alicante e a firma Medical Simulator-Innovación en Educación, eles estão avaliando a possibilidade de ajudar com segurança os pacientes em veículos médicos em todos os momentos, realizando certos procedimentos, como a intubação.

Seu projeto, baseado na intubação em ambulância em movimento e preservando a segurança do paciente, nasceu como resultado da necessidade de um gerenciamento rápido e seguro das emergências das vias aéreas na assistência a pacientes críticos. Essas situações representam um desafio para os profissionais de saúde, pois envolvem sua capacidade, as condições clínicas do paciente e, finalmente, o cenário que encontram.

EnfermeriaIntubacion2Às vezes, complicações podem surgir durante o transporte do paciente, o que requer uma ação de emergência rápida com o objetivo de difundir e proteger as vias aéreas. Nesse sentido, o estudo mostra como essa técnica é adequada e segura quando se trata de cenários hostis ou violentos como zonas de guerra, ataques terroristas, incêndios, acidentes rodoviários envolvendo substâncias perigosas e / ou risco de explosão, nos quais o veículo não pode ser interrompido. Segundo Mª Elena Castejón, docente associada do Departamento de Enfermagem e pesquisadora principal do projeto, o objetivo é verificar se a intubação pode ser realizada em ambulância móvel, caso seja estritamente necessário para o acompanhamento da evolução clínica de um paciente em estado crítico.

Este é o primeiro ensaio clínico randomizado usando como ferramenta de pesquisa um manequim de simulação de alta fidelidade com uma resposta fisiológica como um ser humano, um veículo médico e profissionais de saúde voluntários do Serviço de Emergência de Saúde de Alicante (SES).

O projeto baseado na intubação em ambulância em movimento e preservando a segurança do paciente (título em espanhol: “É possível intubar em movimento preservando a segurança do paciente?”) Faz parte dos estudos de doutorado de Mª Elena Castejón. A primeira fase deste projeto começou no 2012 como um estudo piloto, foi publicado na revista Prehospital Emergency Care (edição em espanhol, 2014) e foi apresentado na 6th Annual Annual Simulation in Nursing Education Conference, da Leeds Metropolitan University, no 2012.

 

UNIVERSIDAD DE ALICANTE 

Comentários estão fechados.