Moderna: 'A eficácia da vacina cai 6% a cada dois meses após completar o ciclo'

Eficácia da vacina Moderna: a empresa norte-americana explica que o soro tem eficácia de 93% nos seis meses após a segunda dose, valor que então começa a diminuir

Eficácia da vacina Covid, anúncio da Moderna

“A vacina Covid-19 da Moderna tem uma eficácia de 93% em seis meses após a segunda dose, mas cai 6% a cada dois meses após a conclusão do ciclo da vacina.”

Isso é relatado em uma nota da mesma empresa norte-americana liderada por Stephane Bancel, que, no entanto, aponta que uma dose de "reforço" é necessária na próxima temporada de inverno, quando os anticorpos diminuirão.

No entanto, como disse o próprio CEO da Moderna, a empresa não está aceitando novos pedidos para entregas em 2021.

Vacina candidata com alta eficácia contra as variantes Delta, Beta e Gama a caminho

A Moderna também divulgou que, entretanto, está trabalhando em algumas vacinas candidatas como reforçadores de dose, capazes de criar uma resposta imune robusta contra as variantes Delta, Beta, Gama.

É preciso dizer que essa consideração, feita pela própria Moderna, parece reforçar a hipótese, por muitos, da necessidade de uma terceira dose da vacina.

A comunidade científica, sem dúvida, poderá se posicionar sobre este cenário e dar as devidas indicações.

Leia também:

Covid, professor de genética molecular: 'Variante do Epsilon ainda não amplamente difundida, Delta realmente resistente'

Emergência Covid: Ema dá a primeira oportunidade para o uso da vacina Moderna em jovens de 12 anos ou mais

Fonte:

Agenzia Dire

você pode gostar também